5 doenças infantis mais comuns





Se algo realmente tira o sono dos pais é a saúde dos filhos. Ver um filho doente não é nada bom, ficamos preocupados com ele e queremos que ele melhore logo, não é mesmo? As doenças infantis ocorrem da maneira mais inesperada, algumas até mesmo sem motivo e acabam exigindo muito mais cuidados. Mas, quais são as doenças infantis mais comuns? Nesse artigo falaremos sobre as doenças infantis existentes e as mais comuns.

As doenças infantis mais comuns

Abaixo listamos as doenças infantis mais comuns. Veja:



 

  • Resfriado

Nem sempre apresenta febre ou coriza e febre baixa. É uma doença difícil de evitar, mas há cuidados que devem ser tomados se alguém na família apresentar os sintomas: cobrir a boca e o nariz ao espirrar e tossir, lavar bem as mãos, separar utensílios como copos e talheres. Caso a criança possua resfriado, ela não deve ir à creche ou escola.

 

  • Disenteria (diarréias)

As infecções intestinais são os principais motivos responsáveis pelas diarréias. A higiene é o principal para prevenir a criança contra essa doença. Além disso, deve-se evitar alimentos de procedência duvidosa ou que ficaram expostos a agentes infecciosos. Normalmente o tratamento é repousar, ter uma boa alimentação, beber muito líquido e tomar medicamentos para dor e febre prescritos pelo médico.





 

  • Infecção no ouvido

A otite surge quando ocorre acúmulo de secreção no canal auditivo, causada por gripes e resfriados. Essa doença geralmente se manifesta pelo menos uma vez até 5 anos de idade e é necessário ser tratada com antibióticos. No caso dos bebês, é preciso ficar atento a sinais como febre e choro intenso. Há um quadro mais brando da otite que se chama otite externa, que ocorre por causa do excesso de umidade. O ideal é secar bem os ouvidos com uma toalha após o banho, que é onde ocorre o contato com água, essa é a melhor forma de prevenção. Não é indicado o uso de cotonete, pois ele empurra a cera para os tímpanos diminuindo a proteção do conduto auditivo.

 

  • Catapora, caxumba, sarampo e rubéola

Essas quatro doenças são causadas por vírus transmitidos através da saliva. Cada uma dessas doenças apresenta sintomas específicos como: febre, manchas pelo corpo, cansaço excessivo, etc. A boa notícia é que essas doenças costumam a desaparecer espontaneamente em questão de dias. Mas, é necessário buscar ajuda médica para evitar as complicações. Além de ajudar a evitar problemas maiores, o tratamento alivia os sintomas por meio de analgésicos. Além disso, o ideal é evitar o contato com outras crianças, caso esteja com alguma das doenças, tomar bastante líquido e repousar.

 

  • Doenças que afetam a respiração

É uma doença muito comum em crianças, assim como a rinite que possui sintomas como espirros, congestão nasal e coriza, também tem a sinusite que possui sintomas como dores de cabeça e no rosto, coriza e congestão nasal. Essas alergias são desencadeadas por agentes como a poeira, o pólen das flores, ácaros ou pelos de animais. O tratamento ideal para essas doenças são os medicamentos indicados pelo médico e manter a criança longe dos agentes para evitar as crises. A asma também é uma doença comum em crianças. A sua crise é considerada como grave e é preciso ter atendimento emergencial. Os sintomas da asma são: chiado no peito, lacrimejamento, tosse, dor no peito e dificuldade ao respirar. A pneumonia é uma doença que pode ser viral ou bacteriana. Ela é considerada como uma doença grave que se não for tratada, pode levar a morte. Geralmente apresenta sintomas como dificuldade respiratória, febre, dor abdominal, palidez, prostração e falta de apetite.

Essas são as doenças mais comuns que afetam as crianças. Gostou do artigo? Deixe o seu comentário e continue com o nosso blog!





Autor: RhuanFlavio

Compartilhe este artigo no